fbpx

Novidades

Ford Mustang é o esportivo mais vendido do mundo pelo segundo ano consecutivo

Qyon lança a primeira equipe brasileira de aeroesporte do mundo na Sun'n & Fun Aeroespace Expo

A Porsche adota novo processo de produção para o Taycan

Volvo Car Brasil avança entre os híbridos e ocupa mais de 71% entre os modelos plug-in hybrid

Transforme 2021 no ano do autocuidado com dicas de bem-estar do Four Seasons

Porsche mantém sucesso nas vendas no 1° trimestre de 2021

Processo Seletivo da Portland é expandido para todo o Brasil

Península Valdés: voltaram as orcas que encalham de propósito para comer

Land Rover apresenta o Discovery 2021, o SUV familiar versátil, com novo design, mais eficiência e conectividade

Eataly apresenta descontos especiais pós-Páscoa

Emirates reafirma foco no cliente em recentes atualizações de políticas

Estreia mundial online do Audi Q4 e-tron

FIEVER lança sua campanha de inverno21

Audi A6 tem nova versão com premiado motor 2.0 disponível para o mercado brasileiro

Lavvi e Versace Home apresentam parceria no Brasil

Férias com os pets: uma prioridade para os viajantes se divertirem com seus animais de estimação

Votorantim Cimentos aumenta a presença de mulheres na sua Governança Corporativa

Saiba como usar três novos recursos do Galaxy Tab S7 para aprimorar a conectividade e facilitar a rotina

Vivara apresenta nova Coleção Vivara V com Gisele Bündchen

Freixenet sugere drinks com Cavas para o Outono em parceria com o mixologista Alê D’ Agostino

Conheça 4 regiões da Nova Zelândia e entenda o amor do povo pelos mares

Destaques / Homepage / Viagens / 29/03/2021

Mais do que um esporte, a vela faz parte da história da Nova Zelândia, que sediou sede da 36ª America’s Cup, e o mar, parte da rotina dos kiwis

A Nova Zelândia é uma nação oceânica e os neozelandeses, ou kiwis, se consideram um povo do mar. As ilhas do país têm uma costa de mais de 15.000 quilômetros e os mares representam recursos econômico, alimentar e espiritual para o povo. Foi pelo mar que os ancestrais maori chegaram a Aotearoa – como eles chamam o país – e até hoje o espírito velejador está presente entre os neozelandeses. Ao conhecer alguns lugares fica fácil entender o porquê. Conheça alguns deles e sinta despertar a vontade de explorar os oceanos!

Auckland

Conhecida como cidade das velas, não foi à toa que Auckland foi escolhida para sediar a America’s Cup. A região tem mais barcos per capita do que qualquer outro lugar do mundo, sem mencionar as diversas marinas. Os visitantes se impressionam ao encontrar um paraíso marítimo como o Golfo de Hauraki, na fronteira leste, tão perto de uma grande cidade. Do outro lado, a costa oeste acidentada é o local ideal para surfar e fazer kite-boarding.

Explore Group – Auckland Harbour Sailing é uma atração tanto para quem quer se aventurar na navegação ou apenas relaxar em meio ao ar fresco do mar. O visitante ainda pode embarcar no Porto Waitemata e saborear uma refeição completa , enquanto desfruta do horizonte icônico da cidade no Auckland Harbour Dinner Cruise.

Bay of Islands

Composta por um grupo de 144 ilhas na Ilha Norte, a Baía das Ilhas (Bay of Islands) é considerada um dos melhores pontos de cruzeiro do mundo e todos os anos reúne iates na corrida inshore mais popular do país, o Clássico Costeiro de 120 milhas. Quem visita a região encontra praias isoladas de areia branca por toda parte e ampla oferta de frutos do mar.

Uma das atrações da região é o Sundowner Evening Cruise, cruzeiro noturno perfeito para terminar o dia, sentindo a deliciosa brisa marítima. Já o Island Hopper Sailing Cruise é uma opção para que não quer perder a oportunidade de velejar em águas calmas e intocadas, em meio à rica vida marinha e um santuário de aves.

Bay of Plenty

A região, que fica na Ilha Norte, é famosa por seu belo litoral e pela rica vida marinha, como já revela seu nome: Baía da Abundância. No local, é possível encontrar opções de cruzeiros para todos os gostos e bolsos. A região também abriga a cidade natal do velejador campeão olímpico Peter Burling, Tauranga. Foi ali que ele começou a praticar vela e agora faz parte da equipe Emirates Team New Zealand, que disputa o campeonato mundial.

Na cidade, os visitantes podem fazer o Dolphin & Wildlife Cruise, cruzeiro para explorar a vida selvagem e experiência perfeita para toda a família. Partindo da cidade Whakatane, a Whale Island (Moutohora) Snorkelling Sailing Trip oferece viagens de mergulho ao redor das ilhas de Moutohoroa e Rurimas, que são reservas naturais e cujas águas são ideais para uso do snorkel.

Wellington, capital da Nova Zelândia

A capital do país tem um porto que abriga 13 iate clubes e tem numerosas baías, perfeitas para bote e vela. O vento constante na cidade atrai os marinheiros, em especial para o estreito de Cook, que divide as ilhas norte e sul. O Kapiti Explorer é um barco que foi construído para viajar para a Ilha Kapiti e é guiado por locais experientes. Na trajetória, os visitantes se deparam com uma floresta deslumbrante e uma reserva de aves nativas.

Para uma experiência de luxo, o Megisti Sailing Charters é imperdível. Trata-se de um catamarã de 12,6 metros, que durante uma hora navega nas águas límpidas, nas quais é possível avistar golfinhos, baleias, focas e até pinguins azuis.


Tags:, , ,



Elite Magazine




Post Anterior

"Documenta Pantanal" irá promover leilão de obras de arte

Próximo Post

Grupo Tauá de Hotéis conquista Prêmio Ouro no Adrian Awards 2021





Você também pode gostar de



0 Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais histórias

"Documenta Pantanal" irá promover leilão de obras de arte

Grupo de mulheres composto por nomes ligados a galerias, artistas e colecionadores, como Fernanda Feitosa, Mari Stockler,...

29/03/2021