fbpx

Novidades

Ford Mustang é o esportivo mais vendido do mundo pelo segundo ano consecutivo

Qyon lança a primeira equipe brasileira de aeroesporte do mundo na Sun'n & Fun Aeroespace Expo

A Porsche adota novo processo de produção para o Taycan

Volvo Car Brasil avança entre os híbridos e ocupa mais de 71% entre os modelos plug-in hybrid

Transforme 2021 no ano do autocuidado com dicas de bem-estar do Four Seasons

Porsche mantém sucesso nas vendas no 1° trimestre de 2021

Processo Seletivo da Portland é expandido para todo o Brasil

Península Valdés: voltaram as orcas que encalham de propósito para comer

Land Rover apresenta o Discovery 2021, o SUV familiar versátil, com novo design, mais eficiência e conectividade

Eataly apresenta descontos especiais pós-Páscoa

Emirates reafirma foco no cliente em recentes atualizações de políticas

Estreia mundial online do Audi Q4 e-tron

FIEVER lança sua campanha de inverno21

Audi A6 tem nova versão com premiado motor 2.0 disponível para o mercado brasileiro

Lavvi e Versace Home apresentam parceria no Brasil

Férias com os pets: uma prioridade para os viajantes se divertirem com seus animais de estimação

Votorantim Cimentos aumenta a presença de mulheres na sua Governança Corporativa

Saiba como usar três novos recursos do Galaxy Tab S7 para aprimorar a conectividade e facilitar a rotina

Vivara apresenta nova Coleção Vivara V com Gisele Bündchen

Freixenet sugere drinks com Cavas para o Outono em parceria com o mixologista Alê D’ Agostino

Porsche atinge crescimento sustentável no exercício 2020

Automobilismo / Carros / Destaques / Homepage / Negócios / Todos / 31/03/2021

Fabricante de carros esportivos desafia a crise e estabelece metas ambiciosas

A Porsche AG estabeleceu um novo recorde de receita no exercício 2020: seu valor cresceu para 28,7 bilhões de euros, superando o valor do ano anterior em mais de 100 milhões de euros. O resultado operacional é de 4,2 bilhões de euros. No ano anterior, foram 4,4 bilhões de euros antes dos itens especiais e 3,9 bilhões de euros depois. O retorno sobre as vendas foi de 14,6% em 2020, dentro da meta estratégica, apesar da situação econômica tensa. Os fortes números de 2019, portanto, foram praticamente mantidos, apesar de uma paralisação temporária da produção. No total, a Porsche entregou mais de 272 mil veículos a clientes em todo o mundo. Isso é apenas 3% a menos do que no melhor ano anterior, 2019. O lucro, antes dos impostos, foi de 4,4 bilhões de euros, um aumento em relação a 2019.

“O exercício 2020 foi um sucesso para a Porsche – apesar das circunstâncias desafiadoras”, enfatiza Oliver Blume, Presidente do Conselho Executivo da Porsche AG. “Existem quatro razões para isso: nossa linha de produtos atrativa, modelos elétricos convincentes, a força inovadora de nossa marca e a determinação com que abordamos nossa gestão de crises. Foram entregues mais de 20.000 unidades do Taycan, o primeiro carro esportivo totalmente elétrico da Porsche. Isso o torna o carro esportivo elétrico de maior sucesso em sua classe. Mais de 50 prêmios internacionais atestam isso. Entre outras coisas, o Taycan foi nomeado o “carro mais inovador do mundo”. A Porsche oferece um core business robusto, ações sustentáveis, responsabilidade social e tecnologias inovadoras”.

“Estamos muito orgulhosos de nossos números nos negócios”, declarou Lutz Meschke, Vice-Presidente do Conselho Executivo e membro do Conselho Executivo de Finanças e TI da Porsche AG. “Apesar dos inúmeros desafios, alcançamos nossa meta estratégica com um retorno operacional sobre as vendas de 14,6%”.

De acordo com Lutz Meschke, alcançar esses números recordes, apesar da difícil situação global, foi possibilitado por um sistema de gestão de custos e liquidez rapidamente estabelecido. “Nossa maior prioridade na crise era a liquidez. Precisávamos reduzir todos os custos que não fossem absolutamente necessários”. Em nenhum momento, a Porsche perdeu de vista sua direção estratégica de longo prazo. “Não economizamos nada em termos de futuro. Continuamos avançando a toda velocidade em transformação, digitalização e eletrificação. Tentar economizar nessas áreas resultaria muito rapidamente em uma perda de competitividade. Nossa gestão de custos e liquidez possibilitou uma referência. Protegemos nosso negócio para que possamos voltar a funcionar a todo vapor assim que a crise terminar”.

Aperfeiçoamento do programa de rentabilidade

Com isso em mente, a Porsche mais uma vez aprimorou seu ambicioso “Programa de Rentabilidade 2025”. “Nossa nova meta é melhorar nosso resultado cumulativamente em 10 bilhões de euros até 2025 e, em 3 bilhões de euros por ano, depois disso,” diz Lutz Meschke. “O mais importante sobre nosso programa de rentabilidade é que não se trata apenas de um plano econômico, é também um programa de inovação. Não é sobre cortar custos. É sobre otimizar, de forma inteligente, todos os nossos processos e desenvolver novas ideias de negócios”. Em um clima de mercado desfavorável, a Porsche manteve o número de funcionários por volta dos 36 mil. “Nenhum funcionário precisa se preocupar. Firmamos um acordo de segurança trabalhista que garante os empregos de nossa força de trabalho essencial até 2030”, diz Lutz Meschke. “Não estamos cortando empregos ou nos livrando de nenhuma filial. Pelo contrário, estamos investindo em nossos funcionários e em nosso futuro. Isso está valendo a pena: a Porsche aumentou ainda mais sua eficiência e reduziu seu limiar de lucro. Assim, queremos atingir nosso objetivo estratégico de um retorno operacional sobre as vendas de 15% em 2021 também, apesar da difícil situação econômica”. Como nos anos anteriores, a Porsche compartilhou os lucros da empresa com a força de trabalho. Para 2020, o bônus voluntário é de 7.850 euros.

Porsche visa neutralidade no equilíbrio climático para 2030

Diante das contínuas mudanças climáticas, a Porsche AG estabeleceu para si mesma outra meta ambiciosa: “A sustentabilidade é uma parte importante da nossa Estratégia 2030, do ponto de vista holístico: economicamente, ecologicamente e socialmente”, afirmou Oliver Blume. “Lançamos um programa abrangente de descarbonização com uma meta firme em mente: A Porsche quer ter um balanço de CO2 neutro em toda a cadeia de valor até 2030. Conseguiremos isso evitando e reduzindo sistematicamente as emissões de CO2. Todas as instalações importantes, como Zuffenhausen, Weissach e Leipzig, passam a ser neutras em CO2 a partir de 2021. Reservamos mais de um bilhão de euros para a descarbonização pelos próximos 10 anos. Alcançamos o primeiro marco: o Taycan Cross Turismo, que teve sua estreia mundial no início de março, é o primeiro veículo que será neutro em CO2 durante a fase de uso”.

Em 2020, um terço de todos os veículos Porsche entregues na Europa eram total ou parcialmente elétricos; em todo o mundo era 17%. Em 2025, metade de todos os novos veículos Porsche vendidos terá um motor elétrico; em 2030, mais de 80% dos novos veículos serão elétricos.

Para a Porsche, a ação socialmente responsável também está sob a égide da gestão sustentável. Em consonância com isso, a empresa lançou seu programa “Porsche helps” durante a pandemia. Inúmeros funcionários doaram seu tempo ou dinheiro para projetos de caridade. Para mitigar os efeitos da pandemia, a Porsche aumentou suas doações em 5 milhões de euros, enquanto as doações de alimentos para as organizações Tafel dobraram.

Desempenho de entrega robusto

Quando se trata de entregas, a Porsche se beneficia de seu forte posicionamento global. O número de carros esportivos entregues aos clientes permaneceu praticamente estável. A maior demanda foi pelo Cayenne, com 92.860 unidades entregues. Este foi um aumento de 1% em comparação com o ano anterior. Um total de 20.015 unidades do Taycan foi entregue em 2020 – apesar da paralisação da produção de seis semanas na primavera, que coincidiu com o início da produção do novo modelo e também com vários lançamentos no mercado. A China permanece sendo o maior mercado: a Porsche entregou 88.968 veículos para os clientes chineses em 2020, um aumento de 3% em comparação com 2019. As regiões Ásia-Pacífico, Oriente Médio e África também continuaram a mostrar um crescimento positivo no geral, com 121.641 veículos entregues em 2020. Este foi um aumento de 4% em comparação com o mesmo período do ano anterior. A Porsche entregou um total de 80.892 veículos na Europa. Na América, esse número foi de 69.629.

Para acessar informações de imprensa, press-release, dados técnicos, vídeos, fotos e outros materiais relacionados a marca, por favor cadastre-se no link https://press.pbr.porsche.com ou visite o site Porsche News Room, www.newsroom.porsche.com, uma plataforma multicanal, exclusiva para jornalistas e a comunidade online. Acesse também nossa página oficial do Instagram: @porschebrasiloficial #porschebr

Sobre a Porsche
A Porsche Brasil, com sede em São Paulo, é a primeira subsidiária Porsche na América Latina, tendo a sua operação iniciada em julho de 2015. A rede Porsche no Brasil está presente nas seguintes praças: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba, Recife, Campinas, Florianópolis, Brasília, Ribeirão Preto, Belo Horizonte e Goiânia.


Tags:,



Elite Magazine




Post Anterior

Ovomaltine® lança ovos de Páscoa em parceria com Amor aos Pedaços, Brasil Cacau, Carole Crema e Da Feira ao Baile Café

Próximo Post

Rituaali Clínica & Spa terá semana especial de 4 a 11 de abril com a presença do psicoterapeuta Juan Carlos Picasso





Você também pode gostar de



0 Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais histórias

Ovomaltine® lança ovos de Páscoa em parceria com Amor aos Pedaços, Brasil Cacau, Carole Crema e Da Feira ao Baile Café

A marca mais crocante do Brasil apresenta opções que incluem diferentes tamanhos, preços e recheios Para a Páscoa de 2021,...

31/03/2021