fbpx

Novidades

Sommeliére Luciana Mota e a Uva Dourada Chasselas

Destaques / Gastronomia / Homepage / Todos / 04/07/2019

Embaixadora dos Vinhos Suíços (exclusivos no Brasil),
ela comercializa os vinhos brancos produzidos a partir da uva Chasselas, planta oriunda da Cantão do Vaud, onde se concentra
a segunda maior região de vinhedos da Suiça.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Nascida em Santa Catarina, Luciana Mota se formou sommeliére na Suíça, pela Association Suisse des Sommeliers Professionnels – ASSP. Posteriormente, estudou na International Sommelier Guild school – ISG, nos Estados Unidos, onde se tornou professora crendenciada de sommelier.
Outra exclusividade é o queijo L’Etivaz AOP. Sua produção artesanal é o resultado do trabalho e dedicação de 70 famílias, durante a primavera até o fim do verão europeu. Nesse período as vacas podem pastar livremente na região dos semi alpes suíços.  “Uma das especialidade deste queijo é o seu processo de envelhecimento, podendo ser de 12, 24 ou 36 meses. Tal processo de maturação, proporciona enriquecimento especial no sabor no queijo.
Luciana Mota também trabalhou no ramo das Relações Internacionais. Formada em Ciências Politicas e História da Arte, pela New York University. Após 18 anos morando nos Estados Unidos, ela se mudou para a Suíça, onde concluiu seu mestrado em Relações Internacionais pela Universidade de Lausanne.

UVA DOURADA :
A Suíça é geralmente conhecida pelos seus deslumbrantes alpes nevados, chocolates e relógios. Entretanto não podemos deixar de lado a beleza dos terraços murados de videiras, que cobrem toda da região do Lavaux, situado cantão do Vaud sendo conhecido como a Riviera da Suíça francesa.
Essas plantações carregam os traços de sua evolução desde o século XI, e para  preservar esse know-how e testemunho, esta região passou a ser Patrimônio Mundial da UNESCO em 2007, por estar constantemente ameaçada pela crescente urbanização.
A uva vinífera presente se chama Chasselas. A qual produz o popular e renomado vinho branco seco…  a paisagem é de tirar o fôlego com vistas deslumbrantes dos Alpes e do Lago Leman.
A rica herança cultural da região do Lavaux também se reflete na diversidade de eventos culturais em torno da vitivinicultura. Como é o caso do festival Fête des Vignerons. Um evento de amplitude incomparável, realizado a cada vinte cinco anos, onde 3.500 participantes fantasiados realizam várias apresentações teatrais, como forma de celebração pelo sucesso na produção dos vinhos.
A próxima edição deste festival único acontecerá de 26 de julho a 11 de agosto de 2019.


Tags:, , ,



Elite Magazine
A Revista Elite há 18 anos cria e acompanha as tendências do mercado de luxo.




Post Anterior

British Airways lança seu próprio espumante inglês

Próximo Post

Agenda: Lançamento do livro de Irineia Andrade





Você também pode gostar de



0 Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais histórias

British Airways lança seu próprio espumante inglês

A British Airways está celebrando seu ano centenário em grande estilo com o lançamento de seu próprio espumante inglês. Os...

03/07/2019